Você está aqui: Página Inicial / Administradoras do CRA-RO participam do ENAF em Brasília

Administradoras do CRA-RO participam do ENAF em Brasília

As administradoras Maria Helena Costa Silva (gerente) e Kellen de Oliveira, do setor de fiscalização, participaram do Encontro Nacional de Fiscais do Sistema CFA/CRAs (ENAF), realizado nos dias 27 e 28 de junho na sede do Conselho Federal de Administração em Brasília, objetivando promover melhorias no âmbito da fiscalização e registro. Na oportunidade, o diretor de Fiscalização e Registro do CFA, Carlos Alberto Ferreira Júnior, enfatizou que a ideia é trabalhar junto com os fiscais do Sistema CFA/CRAs, seguindo a ideia de gestão compartilhada defendida pela atual diretoria da autarquia.

O presidente do CFA, Mauro Kreuz, lembrou que a atividade fim do Sistema é a fiscalização e registro e destacou a presença dos fiscais, evidenciando o papel de grande relevância institucional exercido por cada um dos presentes. Ele explicou que um dos compromissos é retomar o Observatório Nacional dos Egressos em Administração (Onecad), ferramenta criada pelo CFA que permite traçar um perfil dos egressos de cursos de Administração e áreas conexas. Segundo Kreuz, o Onecad utiliza tecnologia Big Data e, por meio dela, os fiscais poderão localizar os egressos a fim de trazê-los para o Sistema CFA/CRAs.

Em dois dias de Encontro os participantes compartilharam experiências e desenvolveram um plano anual de trabalho. Além disso, os fiscais conheceram ferramentas que irão auxiliar na fiscalização, estabelecendo metas que permitem trabalhar com a fiscalização prospectiva por meio do programa Classificação Nacional
de Atividades Econômicas (CNAEs). A adm. Kellen de Oliveira, do setor de fiscalização do Conselho Regional de Administração de Rondônia, destacou o encontro como importante no contexto da fiscalização em todo o sistema.

De acordo com Kellen de Oliveira, a padronização das ações de trabalho para todo o sistema será fundamental para fortalecer as ações de fiscalização. “Com base nas estratégias e metodologias norteadas pelo CFA, a fiscalização será mais abrangente, com ações práticas e resultados mais imediatos”, acentuou a fiscal do CRA-RO, acrescentando que a recomendação do CFA é que a fiscalização seja mais rigorosa, incluindo a aplicação de penalidades em casos de descumprimento da legislação vigente. “O poder de polícia será fortalecido tendo em vista que a fiscalização visa defender os direitos dos administradores”, concluiu.

 


ASCOM DO CRA-RO
Jornalista Chagas Pereira
Registro Profissional no MTb 165/RO

registrado em:
Publicações