Banco da Amazônia ministra workshop para administradores

Banco da Amazônia ministra workshop para administradores

Administradores e tecnólogos em gestão, com registro no Conselho Regional de Administração de Rondônia, participaram de workshop ministrado na quarta-feira, dia 4 de setembro, pelo Banco da Amazônia. A proposta é ampliar o número de profissionais que atuam com a elaboração de projetos para financiamentos da instituição. As atividades foram ministradas pela coordenadora de análises da Central de Crédito do Banco, Jaymara Kalb Tomiyoshi, que detalhou todos os procedimentos para a elaboração de projetos e sua avaliação técnica, econômica e financeira. Gerente geral da Central de Crédito, Márcio Orsi Coutinho mencionou que a meta do Banco da Amazônia é ampliar as possibilidades em termos de investimentos. Ele
informou que os financiamentos são viabilizados com recursos financeiros do Fundo Constitucional de Financiamento do Norte (FNO), principal fonte de recursos financeiros estáveis para o crédito de fomento da Região Norte e um dos principais instrumentos econômico-financeiros de execução da Política Nacional de
Desenvolvimento Regional.

Márcio Orsi Coutinho esclareceu aos administradores e tecnólogos presentes ao workshop que os projetos são padronizados, cujos critérios precisam ser seguidos pelos profissionais responsável por sua elaboração. Os projetistas são parceiros que atuam com a intermediação entre o Banco e o cliente, acrescentou. Segundo o gerente, a proposta do Banco da Amazônia é contribuir para o desenvolvimento de todas as regiões do estado.

Superintendente interino, Diego Brito Campos reforçou as informações de Márcio Coutinho, acentuando que o Banco tem como missão especial transformar sonhos em realidade, incluindo a preocupação de gerar cidadania. Segundo ele, a ideia é habilitar um número maior de profissionais que possam dar suporte aos clientes que desejam viabilizar o seu negócio e dependem de financiamento bancário. É importante salientar que a análise da visão de mercado e suas oportunidades se constitui num item fundamental no processo, tendo em vista que a missão do Banco da Amazônia é aplicar o crédito com solução sustentável, destacou.

Falando em nome do presidente Marcos Tadanori Ito, o diretor de fiscalização e registro do CRA-RO, Edney Costa Souza, destacou a iniciativa da Superintendência do Banco da Amazônia em Rondônia em habilitar e credenciar novos profissionais para atuarem como projetistas. É uma oportunidade que está sendo oferecida aos administradores e tecnólogos para que possam ampliar sua atuação no mercado, viabilizando novos empreendimentos, disse.

Mesmo impossibilitado de estar presente, o presidente do CRA-RO, Marcos Ito, faz questão de destacar a preocupação do Banco da Amazônia em habilitar novos profissionais para prestar assessoria aos seus clientes na elaboração de projetos, visando financiamentos para impulsionar a economia em todo o estado. Cabe-nos destacar a iniciativa do Banco e agradecer a confiança por incluir os administradores nesse processo de credenciamento para que possam atuar também na elaboração de projetos para financiamentos bancários, assinalou.

A parceria do Conselho Regional de Administração com o Banco da Amazônia, que viabilizou a oferta do workshop para a capacitação na área de elaboração de projetos, foi destacada pelos administradores e tecnólogos presentes, principalmente porque se constitui na abertura de um novo nicho no mercado. Eliane Muquiutti, de Jaru, mencionou a atuação do CRA-RO no processo, acentuando a importância da disseminação das informações para a habilitação profissional de novos parceiros do Banco, enquanto Adele Fernanda, de Cacoal, informou que o workshop contribuiu para dirimir dúvidas sobre os procedimentos relacionados aos pleitos de financiamentos.

José Nilton Oliveira disse que a iniciativa é importante para disseminar conhecimentos e aproximar ainda mais o Banco da comunidade. O workshop abriu novas perspectivas profissionais e o trabalho do Conselho Regional de Administração, como parceiro do Banco da Amazônia, tem sido decisivo para a concretização desse projeto, completou.

ASCOM CRA-RO
Jornalista Chagas Pereira
Registro Profissional no MTB 165/RO

Fechar Menu